Entrega de Petição na Assembleia da República

 

Por iniciativa de um grupo de lesados emigrantes da Venezuela e com o apoio da ABESD, no dia 21 de junho, pelas 17.30hs, na Assembleia da República será entregue uma petição relativa à venda de produtos GES através das sucursais exteriores para uma análise aprofundada e procura de soluções para muitos lesados do BES, que não têm até à data qualquer processo em curso para reaver as suas poupanças roubadas pela Administração do BES.

O GES/BES tomaram decisões em Lisboa, definindo estratégias concertadas em decisões tomadas em Lisboa e que tiverem efeitos em muitas geografias, por via das diversas filiais e sucursais exteriores do Grupo.

O Banco de Portugal com responsabilidade sobre a supervisão consolidada do Grupo, permitiu que tal acontece-se e protegeu banqueiros, deixando aforradores com anos de trabalho de poupanças desprotegidos. Pessoas que confiaram no seu país e que preferiram depositar as suas poupanças em bancos portugueses, confiando nas suas instituições.

Com esta petição, os lesados esperam que os deputados, os restantes Órgãos de Soberania e os cidadãos em geral, tomem consciência que os lesados da catástrofe do BES, GES, PT e Banif são muitos mais do que aqueles que compraram produtos nos balcões em Portugal.

Muitas famílias portuguesas estão a passar grandes dificuldades, depois de vidas de trabalho honrado e poupanças realizadas, que lhe permitiriam ter uma vida mais desafogada. Tudo tem sido, ainda mais, agravado com a situação na Venezuela, com crimes graves de que os portugueses têm sido vitimas.

©2019 ABESD - Associação de Defesa dos Clientes Bancários

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?